sexta-feira, 11 de novembro de 2011

5 X 50 Primaveras



5 X 50 Primaveras


Após 5 longas primaveras, só agora pude enxergá-lo...
Sim!!! Porque antes, só podia vê-lo!!!
Ah, que coisa mais nojenta você é...
Pude perceber o que é você!!!

Não diria que me arruinou...
Não diria isso!
Você me presenteou com o melhor do mundo!
Ah, eu não diria isso!

5... 5.... 5....
Foram 5 primaveras...
Para que eu pudesse notá-lo!
Quão sutil foi você...

Um dia...
Depois de 50 primaveras...
A melhor coisa do mundo, vai ser para você...
A única alternativa...
Você vai ver...

As flores vão muchar, baby!!!!!

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Amy Winehouse


Uma morte anunciada e comentários do tipo: Um talento que se foi!

Talento temos nós, que com nosso mínimo salário pagamos aluguel, contas e ainda levamos nossos filhos ao shopping.
Que, mesmo que quizessemos, não teríamos tempo para uma "onda"...
Não que não usemos droga, afinal de contas assistimos a programação da tv brasileira!

Ainda bem que a porcentagem de garotas com cabelos idiotas e fumando crack (dentre outras) pelas ruas, agora vai diminuir!

sábado, 5 de março de 2011

Não leve a vida tão a sério!



Atos casuais, amores anormais, gestos imorais;
Sonhos, lutas, conquistas;
Editoriais de revistas.

Felicidade!!!!

Deixe-se levar...
E, não leve a vida tão a sério!!!!

Aceite-se!
Recrie-se!
Faça, sem limites, o MELHOR!!!

Conheça pessoas;
E se deixe conhecer!

Não leve a vida tão a sério!!!
E se for preciso, sei lá:
Pule Carnaval!

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Mariazinha começa a aprender.


Liberdade pra dentro da cabeça.

Livre!
Sem sintoma de amor, remorso ou dor.
Sem paixão, sem choro, sem vela.
Apenas livre.
Livre de você!!!!

Livre para práticas casuais.
Livre para sentimentos manuais.
Livre sem pudor!
Sem amor...

Mariazinha agora sabe...
O desconhecido é MUITO melhor!
Acomodada não é mais.

Mariazinha começa a aprender.
Ela sabe que basta escolher.

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Mariazinha não aprende.


Viu só, Mariazinha? I Told You...

O medo do improvável, do desconhecido, do novo, do caminho....
O medo do ser, respirar, amar...
O medo...

Eu te disse...
O medo do desconhecido é o pior dos males.
O passado... Ah! O passado. Só faz falta quando temos medo!
Mariazinha não aprende.

Não é porque é desconhecido, que será ruim.
O desconhecido pode ser melhor que o hoje e o ontem.
Nada é insubstituível.

Se entregue!!!!!!!!
Mariazinha tenta entender....

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

NEW LIFE!


Há quem diga que só basta querer.
Há aqueles que acreditam na força divina.
Eu sei que vida nova pode ser legal.
Mas, é confusão na certa!

Ninguém é insubstituível.
Não há nada que dure para sempre
Ou que se acabe no vazio.

Há muito mais além do amor próprio..
Há pessoas, coisas, vida, vício....
Será que é mesmo tão fácil?
Confusão na certa!

Posso ver o horizonte, mas quem garante que posso tocá-lo?!
A menos, é claro, que TUDO esteja lá.
Confusão na certa!!!!